Obama liga para Dilma para falar sobre mudanças climáticas

Segundo a Casa Branca, os dois líderes confirmaram o empenho em fechar um 'acordo ambicioso' e trabalhar unidos

Por O Dia

Estados Unidos - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, telefonou nesta segunda-feira para Dilma Rousseff para alinhar estratégias a serem utilizadas durante as reuniões da 21ª Conferência do Clima das Nações Unidas (COP21).

Segundo a Casa Branca, os dois líderes confirmaram o empenho em fechar um "acordo ambicioso" sobre as mudanças climáticas e o interesse dos países em trabalhar unidos.

Obama e Dilma em Washington durante visita da presidenta em junho deste anoEFE

Obama e Dilma ainda afirmaram que manterão contato até o fim dos trabalhos em Paris, no dia 11 de dezembro, para pressionar por um documento completo sobre o tema.

O presidente norte-americano tem afirmado que esse é o momento para tomar uma ação definitiva para evitar problemas causados pelas mudanças extremas no clima ao redor do mundo. Além do telefonema, a segunda-feira foi marcada pela criação de uma coalizão internacional para tentar esse "acordo ambicioso" sobre o clima.

Liderado pelo ex-vice-presidente dos EUA Al Gore e pela ex-presidente da Irlanda Mary Robinson, o grupo conta com representantes, além dos EUA e do Brasil, de diversos países europeus, latino americanos e asiáticos.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência