Por gabriela.mattos

Uruguai - As fortes chuvas que atingiram os departamentos de Artigas, Paysandu, Rivera e Salto nas últimas horas desta quarta-feira obrigaram 2.103 pessoas a saírem de suas casas, informou o Sistema Nacional de Emergências do Uruguai (Sinae).

Do total, 914 pessoas precisaram de ajuda das autoridades para deixar a região, afetada pela alta do Rio Uruguai. As outras 1.189 saíram de suas casas sem a necessidade de auxílio oficial. Segundo o relatório do Sinae, o nível do Rio Uruguai chegou a 14,1 metros em Salto, acima da cota de segurança, que é de 12 metros.

Em Paysandu, a altura do rio se encontra em 7,7 metros, quando o máximo é de 5,5 metros. O mesmo ocorre em Artigas, onde o patamar máximo é de 6,5 metros, e o rio está em 8,4 metros. As autoridades emitiram um alerta de nível laranja pelas fortes chuvas previstas pelo Instituto Uruguaio de Meteorologia (Inumet) para oito departamentos do norte do país.

As inundações já provocaram a morte de duas pessoas, informou ontem o diretor do Sinae, Fernando Traversa. O órgão pediu que a população tome cuidado nas regiões que estejam momentaneamente afetadas pelo problema.

Você pode gostar