Arábia Saudita suspende todos os voos para o Irã

As companhias aéreas do reino sunita vão adotar as medidas necessárias para evitar prejuízos aos passageiros que já reservaram voos

Por O Dia

Riade - A autoridade geral da aviação civil saudita anunciou nesta segunda-feira a suspensão do tráfego aéreo com o Irã. A medida foi tomada após a decisão da Arábia Saudita de romper as relações diplomáticas com Teerã. De acordo com a agência oficial saudita SPA, que divulgou a informação, as companhias aéreas do reino sunita vão adotar as medidas necessárias para evitar prejuízos aos passageiros que já reservaram voos.

No último domingo, a Arábia Saudita rompeu as relações diplomáticas com o Irã após os ataques à embaixada saudita em Teerã e ao consulado na cidade iraniana de Mashhad, que se seguiram à execução, no último sábado, do clérigo xiita saudita Nimr al-Nimr.

Os governos do Bahrein e do Sudão associaram-se à decisão de romper relações com o Irão, enquanto o Executivo dos Emirados Árabes Unidos reduziu a sua representação diplomática no Irã em solidariedade à Arábia Saudita e limitou a presença no país ao nível de encarregado de negócios.

A morte de Al-Nimr, executado com outros 46 detidos, suscitou críticas e condenações por parte da comunidade xiita do Oriente Médio, e diversos protestos em países com população xiita, incluindo o vizinho Bahrein.

Na noite de domingo, pelo menos um homem foi morto e uma criança ficou ferida durantes protestos em Al-Awamiyah, a localidade o líder religioso nasceu. Os países árabes do Golfo acusaram o Irã de interferir nos seus assuntos internos e de apoiar a oposição xiita que pede mais direitos.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência