Por felipe.martins, felipe.martins

Estados Unidos - O senador Bernie Sanders e o bilionário Donald Trump confirmaram seu favoritismo e venceram as eleições primárias no Estado de New Hampshire para serem candidatos dos seus partidos, Democrata e Republicano, na eleição presidencial dos Estados Unidos este ano.

Segundo analistas da disoputa presidencial norte-americana, marcada para 8 de novembro, os pré-candidatos atrairam o apoio de eleitores descontentes com a fraqueza da economia do país e com os políticos tradicionais.

O senador Bernie Sanders%2C pré-candidato democrata%2C ficou na frente da candidata Hillary Clinton Efe

O pré-candidato presidencial democrata Bernie Sanders cortejou o voto dos negros norte-americanos depois de derrotar com folga a ex-secretária de Estado Hillary Clinton na primária de New Hampshire do partido, resultado que injetou sangue novo em sua campanha.

Sanders, que se diz um socialista democrático e é senador de Vermont, se encontrou com o ativista de direitos civis e reverendo Al Sharpton para um café da manhã em um restaurante do bairro negro do Harlem, em Nova York. Foi uma tentativa de roubar um pouco do apoio maciço dos eleitores afro-norte-americanos a Hillary Clinton.

O bilionário nova-iorquino Donald Trump venceu a prévia republicana em New Hampshire com uma vantagem ainda maior. Os resultados da votação de terça-feira divulgados nesta quarta-feira, porém, não conseguiram deixar indicar quem vai surgir como principal adversário de Trump pela candidatura republicana.

Você pode gostar