Campanha esclarece causas do aumento das passagens de ônibus

'Oferecemos o serviço, temos despesas, custos, prejuízos e remuneração', lembra presidente da NTU

Por O Dia

Rio - A Associação Nacional das Empresas de Ônibus Urbanos (NTU) realiza, desde novembro, a campanha “Tarifácil”. Por meio de quadrinhos bem humorados divulgados nas redes sociais, a entidade tem o objetivo de esclarecer para a população os custos incluídos na composição das tarifas de ônibus, que geralmente são reajustadas no início do ano.

Para o presidente executivo da NTU, Otávio Cunha, a população precisa ser esclarecida sobre essa questão para compreender que a atividade empresarial na área do transporte coletivo urbano funciona como qualquer outra. “Oferecemos o serviço, temos despesas, custos, prejuízos e remuneração, como qualquer outra empresa”, pontua. Na formação de custos para compor a tarifa, Cunha destaca que 64% do total são relativos à mão de obra e ao valor do óleo diesel.

Cunha lembra ainda que não são as empresas que determinam o preço da tarifa nem dizem o quanto os usuários devem pagar. “Precisamos esclarecer que quando apenas a tarifa é usada para absorver todos os custos do transporte, ele fica mais caro para o passageiro pagante. E quando existem outras fontes de recursos financeiros, na forma de subsídios, por exemplo, a tarifa pode ser mais barata. Mas isso é definido pelo órgão gestor e não pelas empresas”, explica Cunha.


Últimas de _legado_O Dia no Coletivo