Por bferreira

Rio - Pesquisa da União Internacional de Telecomunicações constatou que a tarifa de celular no Brasil é a mais cara do mundo. O levantamento feito em 157 países apurou que, em nosso país, um minuto de telefonia móvel custa até US$ 0,74 (R$ 1,63). Esse valor é 70 vezes mais alto que o de Hong Kong, de US$ 0,01 (R$ 0,03).

Aqui, o gasto com celular consome em média 4% da renda familiar. Cada dia mais necessário, o aparelho é instrumento de trabalho, estudo, internet e fotografia.

Não é difícil entender por que custa caro. A privatização do setor fez com que os compradores pagassem mais para ser concessionários. Os novos donos têm que investir muito para estruturar e modernizar a tecnologia dos celulares. A carga tributária é, em média, de 55% sobre o valor cobrado pelas operadoras. Como item essencial, ainda resta baixar o preço no Brasil.

Professor de Finanças do Ibmec | [email protected]

Você pode gostar