Wilson Diniz: Os números não mentem

Nossa sociedade está submersa em falsidades numéricas. Milhares de pessoas forjam números sem fundamentos e nos fazem engolir inverdades

Por O Dia

Rio - O ex-presidente Itamar Franco afirmava “que os números não mentem, mas os mentirosos fabricam números”. É o que também defende Charles Seife, professor de Jornalismo da Universidade de Nova York e mestre em Matemática por Yale. No livro ‘Os números não mentem’, diz: “Nossa sociedade está submersa em falsidades numéricas. Milhares de pessoas forjam números sem fundamentos e nos fazem engolir inverdades”. A obra parece ter se inspirado em fatos acontecidos no Brasil da semana passada e na propaganda partidária do PSDB em cadeia nacional. Itamar não podia estar mais certo.

Na tevê, os tucanos resgataram a Dilma Rousseff da campanha de 2014 dando show, prometendo e citando dados falsos para enganar o eleitor. “A conta de luz das famílias brasileiras vai ficar mais barata em 18%.” Mentiu. O aumento chega a quase 50%. Afirmou ter certeza de que a inflação estava sob controle. Hoje já ultrapassa 8%. Previu que “todos que investiram na Petrobras vão ganhar muito dinheiro”. Ganhou a eleição graças às suas “falácias numéricas” como postula Seife.

Sexta-feira, os jornais também foram aos números. O ‘Extra’ estampou que o governo do estado já cortou 28% das despesas de custeio em quatro meses para reequilibrar o déficit gerado pelos impactos da queda do preço do barril do petróleo. O DIA optou por noticiar que “o Rio teve 225 mortes por faca em um ano”, deixando como matéria secundária que os homicídios dolosos caíram em todo o estado, em nota do Instituto de Segurança Pública. Na economia, as matérias são carregadas de tabelas e termos célebres do economês, como Taxa Selic, superávit primário, Índice Ibovespa e câmbio.

Diante de tantos números, entre mentiras e verdades, a informação numérica chega à cabeça das pessoas sem fundamentos e conteúdo que expliquem a as causas e efeitos dos fenômenos, como prova Seife. O ex-presidente Itamar, ao afirmar que os mentirosos fabricam números, comprova que Dilma foi fiel ao seu postulado.

Wilson Diniz é economista e analista político

Últimas de _legado_Opinião