Editorial: O enfumaçado futuro da automotiva

Desculpas e afastamentos de executivos, 'que não sabiam de nada' não irão reduzir as ações de governos, investidores e grupos ambientais

Por O Dia

Rio - Após o escândalo dos motores diesel ‘batizados’ por um software, a enxurrada de multas em âmbito mundial deve abalar a Volkswagen de tal modo que os futuros investimentos e lançamentos de produtos estão comprometidos. No grupo, que envolve marcas tradicionais como a própria VW, Audi, Bentley e Lamborghini o cenário é de pessimismo.

As desculpas e afastamentos de executivos, ‘que não sabiam de nada’ não irão reduzir as ações de governos, investidores e grupos ambientais. Provavelmente vão colocar o grupo em uma perigosa encruzilhada. Enquanto isso, empregos estão ameaçados no topo e na base da pirâmide.

Que outras já ‘pisaram na bola’ sabemos. E elas pagaram, como a General Motors, acusada de tentar esconder defeitos e matar pessoas nas estradas. O questionamento da vez é amplo e irrestrito. A imprensa mundial questiona, agora, se a prática da burla em emissões ou em qualidade construtiva não convive historicamente com todas as marcas.

Últimas de _legado_Opinião