Por bferreira

Rio - Acontece nesta segunda-feira, a partir das 13h, na sala 311 do Palácio Tiradentes, a primeira reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Operadoras, na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), que vai apurar a prestação inadequada de serviços de telefonia no estado.

Instalada na quarta-feira, a CPI vai avaliar danos causados a consumidores devido aos serviços oferecidos pelas operadoras de telefonia.

“As operadoras são campeãs de reclamações no país inteiro: falta de antenas, queda de sinal, falta de lojas para reclamações e solicitações de serviços, preços, falta de clareza nas cobranças; enfim, são inúmeras e frequentes as denúncias”, afirmou o presidente da comissão, deputado Domingos Brazão (PMDB).

O parlamentar explicou que a União Nacional dos Legisladores Estaduais aprovou pedido para que todas as Assembleias Legislativas do país criem suas CPIs em relação às operadoras de telefonia. “Uma vez que a Câmara dos Deputados se omitiu de ter promovida a sua”, disse o peemedebista.

DEFESA DO CONSUMIDOR

De hoje até sexta-feira, o ônibus de atendimento à população da Comissão de Defesa do Consumidor da Alerj estará posicionado na Rua Reverendo Armando Ferreira, ao lado da Policlínica do Largo da Batalha, em Niterói. Os assuntos que não puderem ser resolvidos no local serão enviados para a sede da comissão, no Centro do Rio.

Você pode gostar