Por thiago.antunes
Rio - O Rio de Janeiro é um canteiro de obras. São R$ 11 bilhões sendo executados somente este ano, em mais de 14 projetos, que vão desde a construção de quatro BRTs até a ampliação do Parque Madureira e obras de contenção de encostas.

Atualmente, a Cidade Maravilhosa abriga 700 frentes de obras, a maioria delas nos três BRTs em execução: Transolímpica, o lote 4 da Transoeste e a Transcarioca.
Este último corredor, que vai ligar o Aeroporto Santos Dumont à Ilha do Governador, é, aliás, a intervenção mais desafiadora para a Secretaria Municipal de Obras.

“Estamos passando pelo pior da obra, por conta da quantidade de desapropriações e do trânsito”, explica o secretário municipal de Obras, Alexandre Pinto. O primeiro dos dois lotes da Transcarioca teve 1.102 unidades desapropriadas. Já no Transoeste, já concluído, foram 70 casas.

Trator trabalha no preparo das pistas do BRT Transoeste%3A corredores expressos são as intervenções que consomem a maior parte dos recursosPaulo Araújo / Agência O Dia

O presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio, Sidney Menezes, admite que a cidade passa por uma reinvenção, mas considera um erro o Conselho não ter sido chamado a debater os projetos.

“Faltou diálogo com entidades da área. Tínhamos que ter acesso ao escopo e ao conceito dos projetos, principalmente os de mobilidade”.
Publicidade
Menezes alega que toda mudança na cidade deve ser discutida. “Para se ter um olhar criterioso e evitar o erro, por menor que seja”.
Da Avenida Rio Branco a Jacarepaguá
Publicidade
Hoje em fase de obras, a cidade pode mudar sua cara nos próximos dois anos. A começar pelo Centro, que, além do BRT, terá um parque urbano em plena Avenida Rio Branco. O boulevard, como já é chamado, será exclusivo para pedestres, da Avenida Nilo Peçanha à Presidente Wilson, com paisagismo e muito estilo. A transformação custará R$ 87,8 milhões ao município.

Na Zona Norte, a principal mudança será no Parque Madureira. Até 2016, o parque terá cinco quilômetros a mais de extensão, com pista de esqui (a simulação da neve será feita com polímero umedecido) e de bicicross.

Parque Madureira terá novas atrações%2C como pistas de esqui e bicicrossPaulo Araújo / Agência O Dia

O entorno do Maracanã também entra no pacote bilionário de obras. A urbanização, entregue com atraso, custou R$ 109,5 milhões.

Nos rios da cidade, estão sendo feitas obras de prevenção contra enchentes. A bacia de Jacarepaguá, por exemplo, está sendo drenada.
Publicidade
Na Praça da Bandeira, convergência de rios que vêm da Tijuca, um dos quatro piscinões que vão absorver o excesso de água ficará pronto no segundo semestre. No Rio Acari, um parque será erguido para remover famílias ribeirinhas.
A prevenção chegará a 102 pontos de risco das encostas por todo o Rio. Serão 200 frentes de trabalho a partir do próximo mês.
Publicidade