Agente penitenciário morre em tentativa de resgate de presos

Preso foi baleado e criminosos tentaram fechar trecho da Rodovia Niterói-Manilha

Por O Dia

Rio - Uma tentativa de resgate de presos terminou com um agente penitenciário morto e um detento ferido na Rodovia Niterói-Manilha (BR-101), na altura de São Gonçalo, na noite desta quarta-feira. Pelo menos 20 criminosos tentaram interditar a via no trecho do bairro do Gradim usando carros e um caminhão.

Logo após, os suspeitos dispararam contra o veículo do Grupamento de Serviço de Escolta da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), que saía do Fórum de São Gonçalo em direção ao Complexo de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio. O carro transportava nove presos.

Buscas por bandidos

Na troca de tiros, o agente identificado apenas como Antônio Pereira foi baleado e morreu no local. Um detentostambém foram atingido pelos tiros. Os bandidos fugiram após o confronto e nenhum dos presos foi resgatado. Policiais militares fizeram buscas atrás dos acusados.

Segundo a Seap, os presos eram escoltados por três inspetores penitenciários. Ainda de acordo com a Secretaria, não houve fuga e o interno baleado foi levado para o Hospital Dr. Hamilton Agostinho Vieira de Castro, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu.

Há suspeitas de que o grupo queria resgatar Lindomar de Oliveira Abrantes, o Dodô, que seria chefe do tráfico de drogas da localidade de Reta Velha, em Itaboraí.

O caso foi encaminhado para a 73ª DP (Neves) e uma sindicância interna foi aberta para apurar os fatos.

Últimas de Rio De Janeiro