Justiça e Cidadania: 'Chance a reprovados'

Meta é tirar do limbo os profissionais que não conseguem a carteira de advogado

Por O Dia

Rio - Permitir que o exército de cinco milhões de bacharéis que não passaram no exame da Ordem dos Advogados do Brasil continuem atuando nos processos como estagiários, rebatizados de paralegais. É o que prevê o projeto de lei 5.749/2013, do deputado federal Sérgio Zveiter, do PSD, apresentado na Câmara dos Deputados.

A meta é tirar do limbo os profissionais que não conseguem a carteira de advogado. Só no Rio, há 100 mil formados nesta situação. Para o parlamentar, o problema é a má qualidade do ensino, que está criando “um problema social”. A figura do ‘paralegal’ existe nos Estados Unidos.

Últimas de Rio De Janeiro