MP reprime jogo do bicho em Niterói

Policiais detiveram apontadores e apreenderam dinheiro

Por O Dia

Rio - Uma nova operação de combate à exploração do jogo do bicho foi realizada, na última terça-feira, no Centro de Niterói, pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ). A operação teve por base investigação da 4ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal da 2ª Central de Inquéritos.

Policiais militares do Grupo de Apoio aos Promotores de Justiça (GAP) fizeram buscas nas Ruas São João e da Conceição. Seis apontadores foram encaminhados para a 76ª DP (Niterói). Também foram apreendidos R$ 510 e diversas comandas de apostas numeradas.

Na Rua da Conceição foram flagrados os apontadores Genildo José de Araújo, Edmundo Metello Filho e Sônia Maria Moreira de Souza. Eles foram autuados pelo crime de exploração de jogo de azar. No entanto, o local continua funcionando como ponto de jogo do bicho, o que já foi informado pelo MP à policia.

Na Rua São João, os apontadores Evaldo de Abreu Rangel, Elizabeth Alves Maia e Alcenir Basto Dutra também foram encaminhados à delegacia para registro de ocorrência.

De acordo com o promotor Cláudio Calo, o crime era cometido de forma ostensiva nas duas principais ruas do Centro de Niterói.

Últimas de Rio De Janeiro