Por bferreira

Rio - Cerca de 20 moradores do Conjunto Elmo Braga, em Lagoinha, Nova Iguaçu, protestaram ontem à tarde em ruas do bairro pelo desaparecimento de Marcos Felipe Dorneles Martins, 16 anos. Ele foi visto pela última vez na noite de sábado, após sair da farmácia onde trabalhava, em Vila Belga, comunidade vizinha.

Amigos e parentes acusam traficantes da Vila Belga de sequestrarem o rapaz para promover uma guerra entre bandidos das duas localidades.

Durante o protesto, um homem armado foi visto dentro de um carro, levando pânico a alguns moradores, que correram. Não havia nenhuma patrulha da Polícia Militar fazendo a segurança dos manifestantes.

Avó de Marcos Felipe, Geruza Gomes, 60 anos, chorava sem parar. “Ele é um rapaz do bem. Não se mete com drogas. Pegaram meu neto por causa da rivalidade entre o Conjunto Elmo Braga e Vila Belga. Querem tirar informações dele”, acusou.

O caso ainda não foi registrado na polícia pelos familiares de Marcos Felipe.

Você pode gostar