Mãe e sobrinha de estilista são assassinadas em São Gonçalo

Noivo da sobrinha de Beto Neves, dono da loja Complexo B, também foi assassinado

Por O Dia

Rio - Três pessoas foram mortas a tiros dentro de casa nesta terça-feira, em São Gonçalo, na Região Metropolitana. As vítimas são mãe, sobrinha e noivo da sobrinha do estilista Beto Neves, dono da loja Complexo B. Policiais estão no local do crime, no bairro Venda da Cruz.

O estilista Beto Neves diz no Facebook que mãe e sobrinha foram assassinadasReprodução Internet

Segundo o amigo da família Cláudio Carvalho, Lynete Louback Neves, de 65 anos, Manuella Neves, de 22, e o noivo Rafany Pinheiro foram encontrados mortos e ensaguentados sobre uma cama. Manuella e Lynete moravam juntas.

"Só pode ter sido vingança de alguma coisa, mas não sei do quê. Chegaram, deram tiro em todo mundo e não levaram nada", disse Rosilene Neves, de 44 anos, mãe da Manuella e filha de Lynete.

Rafany e a noiva ManuellaReprodução Internet

Ainda de acordo com o amigo, Beto ligou para a sobrinha pela manhã, pois ela não foi trabalhar na loja, e não conseguiu contato. Preocupado, ele foi até a casa da mãe, na Travessa da Cruz. No local, encontrou os três mortos. Ainda não há informações sobre a motivação do crime. 

Beto usou o Facebook para avisar parentes e amigos sobre o crime. Pelo menos 149 pessoas comentaram o post do estilista.

Últimas de Rio De Janeiro