Após morte de PM, polícia faz ação em Cordovil e apreende carros falsos do Bope

Policial reagiu a assalto na Baixada e acabou morto. Bando fugiu e atirou em outro PM na chegada à Cidade Alta, onde é feita a incursão

Por O Dia

Rio - Policiais militares realizam operação, na manhã desta quarta-feira, na Cidade Alta, em Cordovil, na Zona Norte, para prender bandidos que mataram um PM e balearam outro durante perseguição nesta madrugada.

Julio Cesar Raimundi, do 14º BPM (Bangu), teve o carro roubado pelos bandidos na Vila Rosali, em São João de Meriti. Houve troca de tiros e o policial foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

PMs apreenderam veículos pretos usados por traficantesAlexandre Vieira / Agência O Dia

O bando fugiu em direção à Cidade Alta. PMs foram informados e passaram a perseguir o veículo. Na entrada da comunidade, os criminosos bateram em uma viatura e desceram do carro atirando contra os policiais.

O sargento Michel Cândido, do 16º BPM (Olaria), foi baleado no joelho e levado para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha. Os bandidos escaparam ao entrar na comunidade.

Carro foi abandonado por bandidos na entrada de Cidade Alta após perseguiçãoOsvaldo Praddo / Agência O Dia

Durante a operação da manhã desta quarta-feira, PMs encontraram duas caminhonetes pretas que serviriam para transportar traficantes, armas e drogas. Os veículos estavam num dos acessos à Cidade Alta, e foram adaptados para parecerem viaturas do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

O caso foi registrado na 38ª DP (Irajá).

Últimas de Rio De Janeiro