Cabral é vaiado em cerimônia com Dilma e prefeito de São Gonçalo

Incomodado com o fato, governador pediu para que Neílton Mulim (PR) 'treinasse sua turma para ser mais educada'

Por O Dia

Rio - O governador Sérgio Cabral foi vaiado, nesta quarta-feira, em São Gonçalo, assim que começou seu discurso. Enquanto destacava parcerias com o prefeito do município, Neíton Mulim (PR) e de Niterói, Rodrigo Neves (PT), a plateia aplaudiu. "As vezes o partido do prefeito de São Gonçalo organiza manifestações contra mim, mas o que vale é o povo, que está em primeiro lugar", disse o governador. 

Ao agradecer ao deputado Márcio Panisset (PDT), Cabral mais uma vez recebeu vaias da plateia. Incomodado com o fato, o governador fez um apelo ao prefeito de São Gonçalo. "Neílton, treina sua turma para ser mais educada, por favor?"

O episódio ocorreu antes de a presidenta Dilma Rousseff anunciar a liberação de quase 3 bilhões para o programa de mobilidade que inclui Niterói, São Gonçalo e Baixada Fluminense. Durante o lançamento oficial do projeto da Linha 3 do metrô, que vai ligar Niterói a São Gonçalo, Dilma afirmou que a segunda fase do programa será levar o metrô até o município de Itaboraí. 

"Esta obra vai beneficiar 1,8 milhão de pessoas, que terão uma melhor qualidade de vida, pois poderão ficar mais tempo com suas famílias", disse a presidenta.

Segundo Dilma%2C Linha 3 do metrô vai melhorar qualidade de vida da populaçãoCarlos Moraes / Agência O Dia

O secretário de Obras do Rio, Hudson Braga, afirmou que a obra da Linha 3 terá 60% dos recursos do estado e 40% da União. "No dia 15 de outubro desse ano serão concluídos os estudos técnicos e as obras só começarão em 2014", afirmou. A primeira fase do metrô que liga Barreto à Alcântara só vai começar a operar em junho de 2015. A linha completa do metrô só será concluída em 2016.

O governo também vai financiar o sistema viário e de ciclovia, paralelo ao monotrilho, além de fazer 20 quilômetros de corredor de obras. Já na Baixada Fluminense, serão financiados em Duque de Caxias um VLT e um BRT. Em Nova Iguaçu, dois corredores de ônibus serão implantados e mais dois BRTs serão construídos no Centro do Rio.

Dilma ainda parabenizou os 123 anos que a cidade de São Gonçalo irá completar no dia 22 de setembro, durante sua primeira visita ao local. Ela ressaltou também a importância do vice-governador Luiz Fernando Pezão no projeto da Linha 3 do metrô.

O aparato policial para a chegada da presidenta em São Gonçalo contou com a presença de 150 PMs, inclusive do Batalhão de Choque (BPCh).


Últimas de Rio De Janeiro