Por thiago.antunes

Rio - blitzes noturnas do programa Lixo Zero. A iniciativa visa a melhorar a limpeza no bairro, que, mesmo com a fiscalização desde 20 de agosto, continua castigado pela sujeira. A Lapa é um complicador: segundo a Comlurb, o intenso fluxo noturno torna um desafio limpar a região —‘campeã’ em multas aplicadas a quem suja as ruas, com média diária de 20 notificações. As novas blitzes volantes começam a partir de 22 de outubro e se expandirão a outros locais de grande circulação.

A Central do Brasil também é um ponto crítico. No entanto, para o presidente da Comlurb, Vinicius Roriz, o local apresentou melhora: “A gente sabe disso pela percepção visual e pela contagem das multas, que estão diminuindo. O que a gente quer é a consciência de cada cidadão para uma cidade mais limpa”, disse Roriz.

Ruas do Centro ainda estão repletas de lixoJosé Pedro Monteiro / Agência O Dia

Outro desafio apontado pelo presidente da companhia são as praias: “A fiscalização mostrou-se difícil. Não é como nas ruas. A praia é muito cheia e muitas vezes nas abordagens o banhista diz que vai levar o lixo ao ir embora. Estamos investindo no trabalho de conscientização na areia também”, declarou.

Zona Sul completa

Nesta terça-feira, a campanha chegou a mais oito bairros da Zona Sul, completando a fiscalização da região. Os novos locais contemplados pelo programa são: Flamengo, Catete, Laranjeiras, Humaitá, Glória, Largo do Machado, Cosme Velho e Botafogo. O Programa Lixo Zero também realizará ao longo do ano blitzes itinerantes, em locais sem fiscalização permanente. O itinerário ainda será definido.

Segundo Comlurb%2C região é ‘campeã’ em multas aplicadas a quem suja as viasJosé Pedro Monteiro / Agência O Dia

Zona Norte perto de ganhar programa

No dia 24, será a vez de a Zona Norte ficar limpa, começando pela Tijuca. Em outubro, o programa se expandirá para o Méier (1º), Madureira (8) e Campo Grande (15). Cada equipe conta com um agente da Comlurb, um guarda municipal e um PM (do programa PROEIS), que trabalham em dois turnos: 7h às 14h e 14h às 20h. Segundo a Comlurb, são cerca de 640 fiscais, sendo 223 agentes da empresa de limpeza, 223 guardas municipais e 192 policiais militares.

Você pode gostar