Falsos policiais civis são presos em flagrante na Baixada Fluminense

Golpistas ofereciam cargos na polícia sem a necessidade de concurso público. Uma pessoas chegou a pagar R$ 42 mil

Por O Dia

Rio - Policiais da 54ª DP (Belford Roxo) prenderam em flagrante, nesta terça-feira, no Centro de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, Pedro Santos Fernandes e Vitor Santana Da Silva, que se passavam por policiais civis da corregedoria. Segundo as informações, Pedro e Vitor ofereciam às vítimas acesso ao cargo de inspetor de polícia mediante o pagamento de grandes quantias e sem concurso público.

Para praticar o golpe, a dupla usava nomes de delegados de polícia da corregedoria e de outras delegacias, além de documentos falsificados com os nomes da chefe de polícia e da Corregedora Geral da Instituição.

Uma das vítimas pagou mais de R$ 42 mil aos criminosos e, cansada de ser alvo de ameaças de morte e com várias dívidas por conta de empréstimos adquiridos, noticiou o fato aos policiais da 54ª DP.

Nesta terça, após receber novas ameaças de morte, a vítima combinou entregar R$ 2.400 aos criminosos. O valor foi recebido por um moto táxi, o qual foi ao encontro dos falsos policiais e, no momento em que efetuou a entrega do dinheiro, foram presos em flagrante pelos agentes.

De acordo com o delegado da 54ª DP, delegado Felipe Curi, os criminosos possuem várias anotações criminais por homicídio, roubo, estelionato e formação de quadrilha e são alvo de outra investigação na delegacia sobre fraudes na venda de residências do Programa Minha Casa Minha Vida.

Segundo o delegado, no momento da prisão, foram arrecadados vários documentos com os nomes de outras vítimas, que serão chamadas à delegacia para reconhecer os presos.

Últimas de Rio De Janeiro