Operação conjunta na Maré prende quatro e apreende armamentos

Homem armado entrou em uma casa e fez família refém

Por O Dia

Rio - Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Polícia Federal fizeram uma operação na manhã deste sábado, no Conjunto de Favelas da Maré, na Zona Norte da cidade. Quatro pessoas foram presas e oito armas foram apreendidas. Um homen tentou fugir e a fazer uma família refém.

De acordo com o Bope, os PMs se depararam com o homem armado, na Vila dos Pinheiros, que se refugiou em uma casa, fazendo três pessoas reféns. O homem se entregou e foi preso após duas horas de negociação. Ele foi encaminhado à sede da PF, na Praça Mauá.

Três dos quatro presos da operaçãoDivulgação

Ainda segundo a polícia, com o preso André França Gama, conhecido pelo apelido de "Perna", foram apreendidos um fuzil AR-15, uma pistola 45 e vários carregadores. Os três moradores mantidos reféns não se feriram fisicamente.

Gerente preso

Outros presos são o gerente do tráfico da comunidade Vila dos Pinheiros, Josemaldo da Silva Bezerra, conhecido com “Da Redley” e dois dos seus seguranças: Deivid de Oliveira Moreira, vulgo “Terceiro” e Leandro Ferreira, conhecido como “Lelo”. Com eles foram apreendidos um fuzil cal. 7,62 curto, um fuzil calibre 5,56, uma pistola 9mm e grande quantidade de maconha ainda não contabilizada.

No Conjunto Esperança os policiais do 22ºBPM apreenderam uma pistola calibre 380 e uma submetralhadora Uze calibre .45. A operação terminou por volta das 16h. As ocorrências foram encaminhadas para o Departamento da Polícia Federal na Praça Mauá. O objetivo da ação era realizar a prisão de criminosos e apreender armas e drogas.

A operação ocorreu em cinco comunidades: Baixa do Sapateiro, Morro do Timbau, Vila dos Pinheiros, Vila do João e Conjunto Esperança e contou, além da participação dos agentes federais, do Comando de Operações Especiais (COE) e suas unidades subordinadas – BOPE, BPChq, BAC e GAM – em conjunto com 22ºBPM.

Últimas de Rio De Janeiro