PM prende acusados de sequestro-relâmpago de idoso em Vila Valqueire

Dupla foi perseguida após comprar cordão de ouro de R$ 4.800 em shopping de Guadalupe

Por O Dia

Rio - Dois homens acusados de participar de um sequestro-relâmpago no bairro de Vila Valqueire, Zona Oeste do Rio, foram presos em Irajá, na noite desta quinta-feira. Segundo a polícia, Luiz Fernando Santos Silva, de 24 anos, Jonathan Rosa Moreira, 21, e outros dois comparsas renderam um idoso de 66 quando ele chegava em casa. Ele foi levado pela quadrilha em seu i35 prata.

A quadrilha seguiu para um shopping no bairro de Guadalupe, também na Zona Norte. Luiz e Jonathan entraram no estabelecimento com o cartão de crédito do idoso. Eles efetuaram a compra de um cordão de outro no valor de R$ 4.800. Policiais do 41º BPM (Irajá) receberam uma denúncia anônima sobre o crime e cercaram o estabelecimento. A dupla conseguiu fugir no carro quando seria abordada pelos PMs.

Na Avenida Brasil houve perseguição. A via chegou a ser fechada. Segundo os PMs, no Trevo das Margaridas, em Irajá, Luiz e Jonathan abandonaram o carro da vítima e tentaram fugir a pé. Eles foram presos no bairro de Vista Alegre, a cerca de dois quilômetros de onde deixaram. A vítima foi libertada, a jóia apreendida e o veículo recuperado.

De acordo com o delegado da 22ª DP (Penha), Bruno Gilaberte, os acusados podem ter participado de outros crimes. Eles foram autuados por sequestro-relâmpago, roubo qualificado, tentativa de homicídio e resistência a prisão.