Por adriano.araujo

Rio - Uma supermáquina com mais de 2,7 toneladas e capaz de perfurar quatro vezes mais rápido que as escavadeiras normais. Este é o poder de fogo do Tunnel Boring Machine, carinhosamente batizado de Tatuzão, que começou a operar às 8h15 desta segunda-feira. A geringonça fará um túnel de 16 quilômetros a 12 metros de profundidade entre rochas e solo arenoso no trecho entre Ipanema e Gávea, onde funcionará a Linha 4 do Metrô, que ligará a Barra a Ipanema. Trabalho para macho brocador? Que nada, na verdade a Tatuzão é uma fêmea. Oficialmente, seu nome é Bárbara, uma homenagem à santa que foi capaz de abrir rochedos com a força da fé.

Bárbara é a maior Tatuzona da América Latina e o maior equipamento utilizado em obras metroviárias do Brasil. Ela tem 120 metros de comprimento e mais de 11 metros de diâmetro. Em clima de campanha eleitoral e abraçado ao vice-governador Pezão, Sérgio Cabral enfatizou que este é um momento histórico para o Rio. “São 300 pessoas trabalhando em três turnos, 7.500 homens em todo o trajeto, de 15 a 18 metros por dia. Primeiro perfura a rocha, entra na areia na Barão da Torre e volta para rocha na Igarapava”, disse.

'Tatuzão' começa a perfurar trecho da linha 4 do Metrô entre Ipanema e GáveaJosé Pedro Monteiro / Agência O Dia

A Linha 4 do Metrô vai transportar mais de 300 mil pessoas por dia e retirar das ruas dois mil veículos por hora. A entrega das obras está prevista para 2016. O custo é da ordem de R$ 8 bilhões.

Segurança

O gerente do produção do Consórcio Linha 4 Sul, Aluísio Coutinho, garantiu que o procedimento de engenharia do Tatuzão é muito complexo, porém, seguro. Segundo ele, a perfuração do solo vai acontecer a cerca de 12 metros de profundidade. “Quem mora na região não precisa se preocupar. Não vai ter nenhumimpacto. Nem barulho será ouvido”.
O operário Charlison José da Silva opera o Tatu foi convidado pelo governador Sérgio Cabral para acionar a máquina. Morador de Gardênia Azul, ele dimensiona o progresso: “Vou poder dormir uma hora a mais por dia. É uma honra poder contribuir com esta obra.”

Em clima de festa%2C Cabral e Pezão acionam tatuzão que perfurará trecho entre Ipanema e Gávea da Linha 4José Pedro Monteiro / Agência O Dia

Mais uma estação BRT

A Prefeitura do Rio entregou nesta segunda-feira mais uma estação do BRT Transoeste. Batizada como Dom Bosco, ela fica na Avenida das Américas, no bairro do Recreio dos Bandeirantes, e funciona das 5h à 1h. Por ali o usuário poderá usar os seguintes serviços: Santa Cruz x Alvorada - Parador (21h à 1h), Mato Alto x Alvorada - Parador (5h às 9h - manhã e 15h às 21h - tarde) e Pingo D'Água x Alvorada - Expresso (9h às 15h).

A Avenida das Américas tem um corredor central exclusivo para ônibus e segregado do tráfego geral, com estações de embarque. Todas as estações aceitam o Bilhete Único Carioca e RioCard. Até o momento, 43 estações do corredor expresso já estão disponíveis aos usuários.
Primeiro BRT da cidade, a Transoeste liga a Barra da Tijuca a Campo Grande e Santa Cruz, atendendo a cerca de 220 mil pessoas por dia. O corredor terá 56 quilômetros de extensão e 64 estações. Com a entrega das obras até Paciência, a Transoeste passa a ter 44,5 quilômetros.
O BRT reduziu o tempo de viagem de moradores da Zona Oeste em mais de uma hora. O aumento do número de estações, pretende facilitar mais a vida de passageiros diariamente.

Você pode gostar