Por bianca.lobianco
Luiz Fernando foi encontrado morto dentro de um carro perto de um dos acessos ao Morro Pavão-Pavãozinho, em CopacabanaReprodução Internet

Rio - O corpo da criança Luiz Fernando Auxiliador Custódio, de 6 anos, foi sepultado no Cemitério São João Batista, em Botafogo, na Zona Sul do Rio, por volta das 16h30 desta sexta-feira. Cerca de 60 pessoas, entre familiares e amigos compareceram ao enterro. O menino foi encontrado morto dentro de um carro em Copacabana na tarde desta quinta-feira.

Muito consternado, o padrastro Leandro Barbosa afirmou que a criança não tinha nenhum problema de saúde, que gostava muito de brincar e tinha muitos amigos.

Em um momento de desespero, a avó Solange Carvalho, que já havia perdido o filho, o pai de Luiz, gritou: "Deus levou meu filho e agora levou meu bebê".
Publicidade
Abandono de incapaz seguido de morte
O delegado Gilberto Ribeiro da 13ª DP (Copacabana) registrou o caso como abandono de incapaz seguido de morte. "A investigação vai dizer quem vai responder pelo crime. Ainda não dá pra afirmar se foi a família que errou ou se foi negligência", disse.
Publicidade
O laudo do IML só ficará pronto daqui a 10 dias. Segundo Ribeiro, ele ainda não teve acesso ao documento.
"Quando uma criança de 6 anos fica na rua, vai para onde quer e as pessoas só se preocupam no dia seguinte?", indagou o delegado. 
Publicidade
Ele afirmou que o mecânico, a tia do garoto e o dono do carro onde a criança foi encontrada já foram ouvidos. O delegado tentou ouvir nesta quinta-feira a avó e a mãe da vítima, mas ambas não tinham condições de prestar depoimento.
Edição: Bianca Lobianco
Publicidade
Você pode gostar