Agentes da Lei Seca prendem dois foragidos da Justiça

No total, 1.208 motoristas foram abordados nas operações realizadas na primeira madrugada de 2014

Por O Dia

Rio - Agentes da Operação Lei Seca realizaram, na madrugada desta quarta-feira, ações de fiscalização em nove pontos diferentes nos municípios do Rio e Niterói. No total, 1.208 motoristas foram abordados nas operações realizadas na primeira madrugada de 2014. Entre eles, dois foragidos da Justiça, que foram presos.

Na Avenida Alfredo Baltazar da Silveira, no Recreio, os agentes abordaram Leandro da Silva, que não portava a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), nem qualquer documento do veículo que conduzia. Ele se recusou a fazer o teste com o etilômetro e foi levado à 42ª DP (Recreio).

Após consulta ao banco de dados, foi verificado que, contra ele, havia um mandado de prisão expedido pela Justiça pelo crime de roubo. O condutor recebeu voz de prisão e foi encaminhado, em seguida, à 16ª DP (Barra), onde o caso foi registrado.

Já na Avenida Marquês de Paraná, no Centro de Niterói, Anderson Luiz de Oliveira Pinto, ao ser abordado, também se recusou a fazer o teste com o etilômetro e não apresentou qualquer documento de identificação. Durante a revista, os agentes encontraram um cartão bancário.

Passadas as informações à 78ª DP (Fonseca), foi constatado que o cartão pertencia ao condutor e que contra ele, havia um mandado de prisão por extorsão.

As blitzes foram realizadas, na última madrugada, nos bairros da Gávea, Jardim Botânico, Lagoa, Centro, Laranjeiras, Flamengo, Recreio, Jacarepaguá e no centro de Niterói. Durante essas ações, 400 motoristas foram multados, 61 veículos foram rebocados, 157 condutores tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida, 175 sofreram sanções administrativas e 8, criminais. Ao todo, os agentes realizaram 867 testes com o etilômetro.

Últimas de Rio De Janeiro