Assassinato de engenheiro choca Miguel Pereira

Homem de 58 anos é atingido por pelo menos quatro tiros à luz do dia no Centro da cidade turística

Por O Dia

Rio - O assassinato de um engenheiro civil, que morava há 15 dias em Miguel Pereira, na Região Centro-Sul Fluminense, chocou a cidade turística, que apresenta baixos índices de violência. Por volta das 6 horas de ontem, David Álvaro de Carvalho Silva, de 58 anos, foi atingido por pelo menos quatro disparos na Rua Engenheiro Belfort das Paineiras, uma das principais do Centro da cidade.

Segundo informações do 10º BPM (Barra do Piraí), após a perícia, realizada por volta das 10h, o corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Três Rios. Investigadores da 96ª DP (Miguel Pereira) trabalham com a hipótese de tentativa de assalto ou vingança. Familiares e colegas de trabalho de David já foram ouvidos pela Polícia Civil.

Em seis meses — de abril a setembro de 2013 — Miguel Pereira teve computados apenas dois homicídios dolosos, de acordo com estatísticas do Instituto de Segurança Pública (ISP).

Segundo PMs que atuam na cidade e que pediram para não ser identificados, nos últimos meses aumentaram as apreensões de drogas na região e o efetivo do 10º BPM é pequeno para cobrir os nove municípios sob sua responsabilidade.

Últimas de Rio De Janeiro