Procissão de São Sebastião atrai mais de dois mil fiéis

Prefeito acompanhou celebração e pediu paz para a cidade

Por O Dia

Rio - A tradicional procissão de São Sebastião atraiu mais de dois mil fiéis em uma caminhada de aproximadamente quatro quilômetros, da Paróquia de São Sebastião, na Tijuca, até a Catedral Metropolitana, no Centro do Rio. O cortejo saiu pontualmente às 16h da Zona Norte. Caminhando na frente dos fiéis, vestidos de vermelho e branco, o cardeal-arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta abençoou locais como a Prefeitura, o Hospital da Polícia Militar e o Sambódromo.

>>>GALERIA: Confira fotos da celebração dos fiéis

Ao lado de Dom Orani, o prefeito Eduardo Paes pediu paz para o Rio. "Hoje é um dia de muita reflexão. Pedi a São Sebastião que a nossa cidade tenha muita paz e tranquilidade", disse. Durante o trajeto, o arcebispo parou na frente do prédio Instituto Nacional do Câncer (Inca) e pediu a proteção de São Sebastião aos doentes. "Que a medicina se agilize e que os internados tenham saúde", afirmou, soltando uma pomba branca em seguida. 

Procissão de São Sebastião atrai mais de dois mil fiéisMárcio Mercante / Agência O Dia

Quando o corjeto passou em frente ao edifício da Polícia Civil, Martha Rocha, chefe da corporação, passou a acompanhar os fíeis. Mesmo com as altas temperaturas, os religiosos não demonstraram cansaço. A administradora Fernanda Rezende, 26 anos, que mora em Duque de Caxias, está gravida de três meses e veio pagar uma promessa. "Fiquei grávida duas vezes e perdi meus filhos. Prometi a São Sebastião que viria em uma processão. Não importa o calor ou a distância. Vim pela fé", disse a jovem.

Neste momento, o Auto de São Sebastião, que conta a história do santo, é encenado na Catedral Metropolitana.

Prefeito Eduardo Paes caminhou ao lado de Dom Orani em procissãoMárcio Mercante / Agência O Dia


Últimas de Rio De Janeiro