Comitê de Jogos Olímpicos anuncia orçamento de R$ 7 bilhões para as olimpíadas

Segundo a direção, toda verba será proveniente da iniciativa privada, sem auxílio do governo

Por bianca.lobianco

Rio - O Comitê de Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 divulgou nesta quinta-feira o orçamento para o evento que será realizado daqui a dois anos. Segundo a comissão, o montante será de R$ 7 bilhões. De acordo com o comitê, todo o dinheiro será proveniente de recursos privados por meio de patrocínios, venda de ingressos e repasse de verbas pelo Comitê Olímpico Internacional (Coi).

Em 2008, quando foi lançada a canditadura, o comitê estimou que o orçamento seria de 5,6 bilhões. Desse total, 4,2 bilhões viriam da iniciativa privada e 1,4 bilhões seriam de recursos públicos. Nesta quinta-feira, a direção voltou atrás e anunciou que toda a verba será da iniciativa privada, sem a contribuição do governo.

Ainda de acordo com o comitê, o salto de R$ 4,2 para 7 bilhões se deu pela questão da atualização monetária com base no IPCA, além da entrada de quatro modalidades esportivas, como os jogos de rugby, golff. A direção afirma ainda que houve mudança de outros custos como adequação de novas legislações, gastos na Vila Olímpica e o aumento do salário no Rio, que segundo eles foi acima da inflação.

"Uma das nossas metas é evitar a trâsnferência de recursos públicos para o Comitê. Trabalhamos com muita organização para realizar a maior celebração de esportes mundial. Com muita alegria que só o povo carioca tem, nenhuma cidade vai conseguir se equiparar a essa grande festa que teremos em 2016", disse o presidente do Comitê Olímpico, Carlos Gusman.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia