Por thiago.antunes

Rio - Rafael da Costa Nascimento, 29 anos, acusado de estuprar uma adolescente que fazia uma caminhada no último domingo na Estrada das Furnas, no Alto da Boa Vista, se apresentou à polícia na manhã desta quarta-feira porque tinha medo de ser executado por traficantes.

Chorão é acusado de estuprar menina no Alto da Boa VistaDivulgação

Conhecido como Chorão por causa das lágrimas tatuadas embaixo dos olhos, ele morava em Piedade, próximo ao Morro do Dezoito, área de domínio do tráfico. "Decidi me apresentar porque (os traficantes) iam me matar quando descobrissem que eu estava sendo procurado. Mas sou inocente", alegou Chorão na 19ª DP (Tijuca), onde se apresentou, acompanhado pelos pais.

Um exame feito no IML comprovou que a vítima, uma adolescente de 15 anos, era virgem antes de ser atacada. Depois da prisão do acusado, ela foi à delegacia e o reconheceu mais uma vez como o autor do estupro.

A garota identificou os dois acusados de envolvimento no crime. Horas depois do crime, a polícia prendeu em flagrante o morador de rua Fabio Tavares Carneiro, de 36 anos, acusado de dar cobertura à ação, usando uma faca.

Segundo a vítima, a dupla anunciou um assalto, levando o seu celular. Em seguida, Chorão a obrigou a entrar numa área de mata, onde a estuprou. O acusado está preso temporariamente por estupro e roubo.

Você pode gostar