Por thiago.antunes

Rio - Morreu, na tarde desta quarta-feira, Yuri Martins Coelho, 18 anos, baleado após troca de tiros e perseguição com policiais do 2º BPM (Botafogo), na Rua Muniz Barreto, em Botafogo, Zona Sul do Rio, no fim da noite desta terça-feira. O local fica a 800 metros da 10ª DP (Botafogo) e de um shopping movimentado do bairro. Yuri estava no Hospital Municipal Miguel Coutro, na Gávea, Zona Sul do Rio. O motorista do carro, Gabriel Arcanjo da Silva, da mesma idade, também foi baleado e corre risco de vida.

Johann Filosi dos Santos Silva, 23, Rubem de Araújo Neto, 20, Anderson Alves Simões, 19, se renderam estão presos. O grupo é acusado de roubar clientes que tinham saído de um bar. Um carro roubado foi recuperado e uma réplica de pistola e um revólver calibre 32 foram apreendidos. Os tiros assustaram moradores do bairro.

Veículo tinha sido roubado na Vila da Penha%2C no fim de janeiroOsvaldo Praddo / Agência O Dia

Momentos de terror

"Conversava em casa com os meus filhos em casa quando ouvi aquela barulheira. Deitamos no chão. Depois de uma situação dessas você fica péssimo, achando que pode acontecer uma violência contra os seus filhos, os amigos, os parentes. A gente vive numa cidade tão bonita, mas vulnerável", disse uma moradora de um prédio da Rua Muniz Barreto, que preferiu não se identificar.

Segundo testemunhas, um grupo de amigos deixou o pub Big Ben, na Rua Muniz Barreto, por volta das 23h45. Quatro deles - sendo uma mulher - atravessaram a rua e seguiram pela Praça Joia Valansi, que fica em frente ao bar. Eles foram rendidos por cinco homens que estavam no Fox prata. Celulares foram levados.

Policiais em uma patrulha que passavam no momento da ação dos criminosos foram alertados pelos amigos das vítimas que perceberam a ação. Ao contornar a praça os bandidos dispararam contra os policiais que revidaram. Eles tentaram fugir pela contramão da Rua Muniz Barreto, mas acabaram parando 100 metros à frente com a chegada de mais uma viatura policial.

Réplica de pistola e revólver apreendidos

No veículo foram apreendidos a réplica de pistola e o revólver, além de pertences das vítimas. Segundo a polícia, o carro tinha sido roubado na Vila da Penha no dia 27 de janeiro. Segundo informações, o grupo teria praticado assaltos no Centro do Rio à noite e depois seguido para a Zona Sul. De acordo com o Serviço Reservado (P-2) do 2º BPM, os cinco são moradores dos bairros de Tomás Coelho, Inhaúma e Engenho da Rainha, na Zona Norte.

O músico e estudante de Publicidade, Alexandre de Oliveira Botelho, de 18 anos, morador da Muniz Barreto, disse que já presenciou pelo menos cinco assaltos na rua nos últimos tempos. Ele denunciou que o roubo e o consumo de drogas são frequentes.

Você pode gostar