PM é roubado e espancado por bandidos após capotar com carro em Irajá

Soldado estava preso às ferragens na Avenida Brasil, mas foi identificado e agredido por criminosos do Conjunto Amarelinho

Por O Dia

Rio - O soldado Marcos Paulo Medeiros Tavares Monteiro, de 29 anos, foi roubado e agredido por bandidos do Conjunto Amarelinho, em Irajá, na Zona Norte do Rio, após capotar com seu veículo na Avenida Brasil, na madrugada desta segunda-feira. Lotado no 41º BPM (Irajá), ele teve a arma levada e está internado no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha.

Conforme registro na 39ª DP (Pavuna), após o acidente na pista central, sentido Zona Oeste, cerca de dez bandidos atravessaram as pistas da via para saquear o carro. Marcos Paulo estava preso às ferragens aguardando socorro. Ao descobrir que a vítima era policial, os criminosos o atacaram com socos no rosto. O PM teve todos os pertences e a pistola calibre 40 levados.

Com a chegada da ambulância dos bombeiros, os bandidos fugiram para o Conjunto Amarelinho. O estado de saúde do soldado é considerado grave.

Últimas de Rio De Janeiro