Hospital localizado em São Cristóvão é assaltado novamente

Bandidos levam um celular e R$ 785 de uma lanchonete da unidade hospitalar

Por O Dia

Rio - Mais um assalto ao Hospital Quinta D’or, em São Cristóvão, assustou pacientes e funcionários, na noite desta quinta-feira. Desta vez, a cantina da unidade foi alvo de uma dupla de bandidos que agiu rapidamente, por volta das 21h, e não deixou feridos. Foram levados um aparelho celular e R$ 785.

O Hospital Quinta D’or já havia sido assaltado em janeiro%2C quando homens armados realizaram um arrastão no localOsvaldo Praddo / Agência O Dia

De acordo com os três atendentes da lanchonete, os criminosos chegaram ao local à paisana, em uma moto azul, ainda não identificada. Um deles entrou no local como acompanhante de um doente e, depois de se aproximar do balcão, anunciou assalto com uma pistola. Os funcionários foram rendidos e a quantia retirada da caixa registradora. A ação rápida era aguardada pelo outro bandido, que já se posicionava em rota de fuga do lado de fora.

Porém, antes de dar a partida na moto, os bandidos não perderam a oportunidade de mais um roubo. Um homem que falava ao celular teve o aparelho levado. O caso foi registrado na 17ª DP (São Cristóvão). De acordo com o delegado Cristiano Jotta, responsável pelo caso, imagens das câmeras de segurança do hospital já foram solicitadas para que seja possível identificar o veículo.

Arrastão no início de janeiro

Na noite do dia 4 de janeiro, bandidos armados e encapuzados realizaram um arrastão no estacionamento do Quinta D’Or. Seis criminosos levaram os pertences de cerca de 15 pessoas, entre funcionários da unidade e acompanhantes de pacientes que estavam no hospital prestando ajuda, além de um carro e o dinheiro da cabine de pagamento do estacionamento, que é terceirizado.

Segundo a polícia, os bandidos, alguns com o rosto coberto, chegaram em um carro, que ficou parado na saída do estacionamento, na Rua Francisco Eugênio, dando cobertura. Após render o segurança, uma parte dos criminosos começou a roubar os pertences dos acompanhantes e funcionários que estavam parados na área, que fica na parte de trás do hospital, e assaltou o dinheiro do caixa.

Outro grupo seguiu até a sala de estar do ‘Colaborador’, um espaço de repouso para médicos, enfermeiros e funcionários que trabalham na unidade, onde celulares, relógios, cordões e dinheiro também foram recolhidos. Na fuga, eles ainda roubaram o carro de uma médica. Os assaltantes conseguiram escapar e ninguém ficou ferido. O portão de saída fica a poucos metros do 4º BPM (São Cristóvão).

Últimas de Rio De Janeiro