Em clima eleitoral, Pezão inicia obras que ampliarão oferta d'água na Zona Oeste

Líderes comunitários presentes no evento também pediram investimentos em Saúde, área bastante carente na região

Por O Dia

Rio - Em clima eleitoral, o governador Luiz Fernando de Souza Pezão participou, neste domingo, do início das obras para ampliar a oferta de água na Zona Oeste. A previsão é que as obras sejam concluídas até o segundo semestre de 2016. "Você sabe porque não tinha água na Zona Oeste? Porque a Cedae não podia pegar empréstimo com a Caixa Econômica devido a uma dívida no valor de R$ 6 milhões que não foi paga pelos governos anteriores", disse ele ao participar do evento.

Quando for concluída, a obra beneficiará cerca de 500 mil habitantes dos bairros de Campo Grande, Santa Cruz, Santíssimo, Guaratiba, Pedra de Guaratiba, Barra de Guaratiba e Bangu. O conjunto de obras inclui a construção de quatro reservatórios (Mirante II, Guaratiba I, Guaratiba II e Guaratiba III). Estes reservatórios se somarão aos dois já existentes na região. Será construída também adutora de água tratada com mais de 35 quilômetros de extensão. A Cedae fará ainda o assentamento de cerca de 24 quilômetros de troncos e rede de distribuição. 

Durante o evento, Pezão também afirmou que vai investir em Segurança Pública na região. Como medida para tornar isso realidade, ele informou que 1.800 policiais já estão sendo contratados e que será aberto, até junho, concurso público com mais de 6 mil vagas para a área. Os líderes comunitários presentes declararam que, além de cobrarem saneamento básico, também pediram investimentos em Saúde, área bastante carente na Zona Oeste.

Últimas de Rio De Janeiro