Por paulo.gomes

Rio - Policiais da 24ªDP (Piedade) prenderam na manhã desta quarta-feira o cabo do Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe), André de Jesus da Costa, de 34 anos, acusado de agredir sua namorada Dayana Cristina Barreto, de 19 anos, e a avó dela, de 86, na Rua Poconé, no Encantado, Zona Norte do Rio. 

Contra o PM havia um mandado de prisão e foi autuado na Lei Maria da Penha por lesão corporal de natureza grave contra a namorada e a idosa. Ele também responderá por ameaça, pois ele estava rondando a casa de Dayana.

André de Jesus chegou ao imóvel da jovem e empurrou a idosa que estava no local. Para evitar ser morta, segundo depoimento para a delegada titular da 24ªDP, Cristiane Almeida, Dayana se jogou pela janela do terceiro andar do edifício, fraturando as duas pernas, e sendo levada para o Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier.

Em julho do ano passado, ele foi expulso do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), após Dayana registrar queixa contra o namorado. Com ciúmes, ele teria cortado a força o cabelo da jovem com pretensão de que ela ficasse "feia".

Você pode gostar