Por felipe.martins

Rio - O governador Luiz Fernando Pezão reafirmou nesta segunda-feira apoio à presidenta Dilma Rousseff. Segundo Pezão, ele, o ex-governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes estão com Dilma, numa “ aliança que se mostrou forte, que foi o segredo do Rio”. Pezão participou de almoço com empresários fluminenses, organizado pelo Grupo Líderes Empresariais — Lide-Rio.

De acordo com o governador, o PMDB fluminense, na hora certa, também vai estar com a presidenta. A afirmação foi referência a uma foto em que ele aparece ao lado do presidenciável do PSDB, Aécio Neves, no casamento do presidente regional do PMDB, Jorge Picciani, no sábado à noite.

“Eu tirei foto com o Aécio e com o pastor Everaldo (PSC), que é outro candidato a presidente. Mas a minha candidata é a presidenta Dilma Rousseff. Eu nunca escondi isso”, afirmou.

Pezão disse que agora é um momento de conversas e lembrou que o PMDB é amplo e tem diversas correntes de pensamento. “Estamos num período de pré-campanha. As convenções ainda não ocorreram”, disse.

Segundo o governador, os candidatos ainda estão fazendo suas alianças. “A gente vai ter uma forte aliança, e a prioridade é a presidenta Dilma. Acredito que o PT também queira isso”, disse ele, que assegurou que se dá bem com Aécio desde os tempos em que o senador era governador de Minas.

Para o grupo de empresários, o governador destacou a importância da parceria público-privada para viabilizar projetos que beneficiam a população. “A interlocução com a iniciativa privada é fundamental para que o estado possa crescer”, afirmou.

Você pode gostar