Por paulo.gomes

Rio - A Divisão de Homicídios de Niterói e São Gonçalo investiga a ligação de contraventores do jogo do bicho de Niterói e São Gonçalo com a morte do tenente da Polícia Militar Carlos Elmir Pinto de Miranda, de 40 anos, em julho de 2012. A DH, com apoio da Corregedoria da Polícia Militar, realiza nesta quarta-feira uma operação para cumprir diversos mandados de prisão de PMs e ex-PMs que participaram do crime.

A polícia tem um vídeo onde cinco pessoas inteceptam o carro do tenente da PM, na Avenida Central, na Região Oceânica de Niterói, e começou o tiroteio. No confronto, além de Carlos Elmir, Érides Mendes, expulso da Polícia Militar em 2000, foi morto e abandonado no Hospital Estadual Azevedo Lima. Anderson Luiz Portugal dos Santos, 38 anos, lotado no 5ºBPM (Praça da Harmonia), foi preso em sua casa, no bairro da Engenhoca, na Zona Norte de Niterói.

Foram apreendidas também duas pistolas, duas granadas, espingarda, munições e camisas da Polícia Civil. "Isso é só o início. Já temos identificado policiais militares e ex-PMs. A partir dessa prisão, vamos identificar outros suspeitos", disse Wellington Vieira, delegado da DH.

A polícia busca cumprir ainda nesta quarta-feira mais dois mandados de prisão.

Você pode gostar