Baile funk na Pedreira tem músicas que desafiam UPP e líder de facção

Equipe de som Furacão 2000 confirmou evento e afirma que resolveu demitir DJ responsável

Por O Dia

Rio - A reportagem do DIA teve acesso a um vídeo de um baile funk gravado no Morro da Pedreira, em Costa Barros, Zona Norte. A área é controlada por Celso Pinheiro Pimenta, o Playboy, da facção Amigos dos Amigos (ADA). Na filmagem, a equipe de som é a famosa Furacão 2000, liderada pelo Rômulo Costa.

No decorrer do evento, que foi realizado no sábado, dia 24, e confirmado pela assessoria de imprensa da empresa, as músicas desafiavam a Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) e também Luiz Claudio Machado, o Marreta, traficante líder do Comando Vermelho.

“Eu duvido o Marreta pisar aqui na Pedra (Pedreira)”, dizia o trecho de uma música posta por o DJ, que não teve seu nome divulgado pela Furacão 2000. Logo em seguida, o som que embalou o baile foi: “Os cria da Pedreira bota cara que a bala vai comer, tomar no c.. a UPP.”

A Furacão 2000 informou que devido Rômulo Costa, após descobrir das músicas através do DIA resolveu demitir o DJ que conduziu o baile no último sábado. “A Furacão 2000 esclarece ainda que todos os profissionais escalados para atuar nos bailes, sejam nas comunidades ou não, são terminantemente proibidos de executar, sob quaisquer pretextos, as músicas chamadas de “proibidão”.

O vídeo foi enviado a agentes da 39ª DP (Pavuna), que vão apurar o caso.

Maré

Dados divulgados pelo Diário Oficial da União revelam que a presença de 2.500 militares no Complexo da Maré desde a ocupação em abril custa quase R$ 1,7 milhão por dia. A presença do Exército e Marinha na área está prevista para acabar em julho, mas pode ser prorrogada até o final do ano.

Últimas de Rio De Janeiro