Procon autua estabelecimentos por manterem produtos vencidos na Zona Sul

Hotel que hospeda seleções teve 22 kg de alimentos apreendidos

Por O Dia

Rio - O Procon Estadual, órgão subordinado à Secretaria de Estado de Proteção e Defesa do Consumidor (Seprocon), realizou nesta terça-feira ação de vistoria dos estabelecimentos localizados no bairro de São Conrado, como parte da Operação Camisa 10 voltada à Copa do Mundo. Dos 17 estabelecimentos fiscalizados, seis foram autuados por armazenarem produtos vencidos, e entre eles está o renomado Hotel Sheraton que, como foi informado aos fiscais pelos funcionários, está prevista a hospedagem das seleções da Espanha, Argentina, Bélgica e Equador que terão jogos no Rio de Janeiro durante a primeira fase da Copa. No total, os agentes inutilizaram quase 30kg de alimentos impróprios para consumo.

Somente no Hotel Sheraton, na Av. Niemeyer, os fiscais encontraram 22kg e 420g de marinada, salmão, queijo e foie gras vencidos. O hotel não disponibiliza o Código de Defesa do Consumidor para consulta dos clientes, e não disponibiliza cartazes informando o Disque Procon 151 e a proibição de hospedagem de crianças e adolescentes desacompanhados. O estabelecimento também não fornece preservativos aos hóspedes, bem como não divulga folhetos explicativos sobre a prevenção da Aids.

Fiscais recolheram alimentos em hotelDivulgação

Em três quiosques da praia de São Conrado (Ponto de Encontro, Nas Ondas, e Gávea Beach Club) os fiscais descartaram 3kg e 868g de alimentos vencidos e 950g de produtos sem informações sobre a validade. Entre os alimentos, encontravam-se pães, queijos, linguiça, bacon e presunto.

Já no Shopping Fashion Mall, os agentes autuaram o Atelier Culinário e a Prima Bruscheteria. O primeiro restaurante armazenava 300g de tiramissú, berinjela e presunto vencidos, além de 700g de presunto de parma sem identificação. Já na Bruscheteria foram inutilizados 648g de queijo e cogumelos vencidos e 10 pães sem especificação quanto ao prazo de validade. O estabelecimento não disponibiliza, ainda, o Código de Defesa do Consumidor e o cartaz que informa o Disque Procon 151 para os consumidores.

O Motel Vips, os quiosques 10A, 10B, 7B, 3A e 3B; e as lojas Mc Donald’s, Gula Gula, Rubro Café, Pobre Juan, CT Brasserie e Café Hum do Shopping Fashion Mall não apresentaram problemas durante a fiscalização.

Últimas de Rio De Janeiro