Por thiago.antunes

Rio - Um auxiliar de enfermagem acusa professora de escola municipal de Belford Roxo de ter constrangido sua sobrinha. Segundo ele, a docente afirmou que o candomblé não é religião e é, olha só, proibido. Isso ocorreu depois da divulgação da sentença em que um juiz afirmou que umbanda e candomblé não são religiões.

Hoje, o deputado Carlos Minc promove audiência pública para discutir o ensino religioso. Ressalta que a legislação proíbe qualquer forma de proselitismo religioso em escolas públicas.

Você pode gostar