Por marcello.victor

Rio - Um adolescente de 14 anos morreu após ser atropelado por um fuzileiro naval de 19, por volta das 22h desta quarta-feira, na Estrada Comendador Bastos, na Freguesia, Ilha do Governador. O local fica próximo a Base Naval da Marinha do Brasil. De acordo com policiais do 17º BPM (Ilha do Governador), o militar não possui habilitação. Ele não estava de serviço no momento do acidente.

Na 37ª DP (Ilha do Governador), onde o caso foi registrado, Juan da Silva contou aos policiais que trafegava com seu Astra pela estrada. Ele disse que não viu o menor e, com a visão prejudicada por um ônibus, acabou atingindo a vítima, que morreu na hora.

Juan foi liberado e responderá processo em liberdade por homicídio culposo - quando não há intenção de matar - na condução de veículo automotor. Se condenado, ele poderá ter a pena aumentada por não possuir a Carteira Nacional de Habilitação.

Você pode gostar