França festeja vitória como final da Copa do Mundo

Com grito de guerra ‘allez le bleus’ (vamos azuis), franceses invadem Praia de Copacabana

Por O Dia

Rio - Um mar azul e vermelho tomou as areias de Copacabana ontem, após a vitória da França contra a Nigéria. Com o grito de guerra ‘allez les bleus’, que significa ‘vamos, azuis’, os franceses fizeram comemoração digna de final. Do outro lado, nigerianos não se deixaram abater com o 2 a 0 para a França, e até entraram na festa.

No Rio desde o início do mundial, dois amigos franceses foram o centro das atenções na partida de ontem. Enquanto Jean Nahu, 36 anos, foi fantasiado de galo, representando o símbolo da seleção francesa, Nicolas Fortineau, 38, assistiu ao jogo caracterizado de taça do mundo. “Falam que francês não é bem-humorado, mas somos a prova de que torcemos com alegria”, brincou Nicolas.

Máscara de galo dá sorte ao time%2C segundo franceses que comemoraram até com nigerianos na praiaSaulo Stefano / Agência O Dia

Com o pé nas quartas de final, a dupla pretende seguir a tradição nas fantasias. “O galo sempre dá sorte”, completou Jean. Mesmo com a vitória na partida, os franceses elogiaram o desempenho do time nigeriano. “Nesta Copa não tem seleção ruim e a Nigéria surpreendeu positivamente em campo”, apontou o francês Francesco de Remelo, 46.

A festa francesa foi tão contagiante que teve nigeriano distribuindo sorrisos no jogo. A pequena Isiuwa Aimiuwu, de 9 anos, com o rosto pintado nas cores de seu país, fez questão de posar para foto com desconhecidos.

“O futebol é alegria sempre”, definiu Isiuwa. “Não tem como ficar triste em um lugar tão contagiante como o Rio de Janeiro”, declarou a mãe da nigeriana, Tawanna Aimiuwu. Um grupo de amigos da Nigéria também concordou com a dupla. “Fomos bem em todos os jogos e temos que entender que a França é a França. Foi uma honra participar dessa Copa do Mundo, ainda mais no Brasil”, completou Salomon Eromosele, 36 anos.

Últimas de Rio De Janeiro