Base da UPP no Alemão é atacada em retaliação a morte de suspeito

Matheus Alexandre Silva dos Santos morreu após troca de tiros entre bandidos e PMs da UPP da Nova Brasília, no Alemão

Por O Dia

Rio - Em uma suposta retaliação a morte de Matheus Alexandre Silva dos Santos, de 18 anos, morto neste domingo durante troca de tiros entre bandidos e PMs da UPP da Nova Brasília, no Complexo do Alemão, a base da UPP do Alemão foi atacada e uma viatura foi incendiada. Um policial teria ficado ferido no abdômen por arma de fogo. Um veículo blindado subiu a região e o clima é tenso.

Segundo a PM, uma equipe fazia patrulhamento pela Praça do Índio, quando foram surpreendidos por um grupo de traficantes armados, por volta das 14h. Matheus foi baleado e levado para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, não resistiu ao ferimento e morreu. De acordo com os policiais que estavam na ocorrência, Matheus, que também era conhecido como Papa, estava com uma pistola 9mm e um carregador.

Viatura da PM foi atacada por traficantes na favela Nova Brasília%2C no AlemãoReprodução


Últimas de Rio De Janeiro