Prédio da 'Tribuna da Imprensa' está abandonado

Defesa Civil fará vistoria no sobrado onde funcionou, até 2008, o jornal que já foi um dos mais influentes do país

Por O Dia

Rio - Uma parte importante da história do jornalismo brasileiro está esquecida no Centro. Localizado na Rua do Lavradio 98, na Lapa, o prédio do antigo jornal ‘Tribuna da Imprensa’ está completamente abandonado. Quem passa pelo local, não imagina que ali nasceu, há 65 anos, um dos veículos de imprensa mais emblemáticos do país.

“É uma pena ver a situação em que ele se encontra. Lamento profundamente porque é um patrimônio da cidade e do jornalismo nacional. A ‘Tribuna’ foi um jornal de luta que marcou época”, diz o conselheiro da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) Paulo Jerônimo, o Pajê. O jornalista vai levar o caso para que a entidade se posicione a respeito. A ideia é tentar preservar de alguma forma o rico acervo de imagens que permanece no prédio em condições precárias.

O prédio da ‘Tribuna da Imprensa’%2C na Rua do Lavradio%3A na fachada%2C parte do reboco está deterioradaPaulo Araújo / Agência O Dia

Nesta quarta-feira uma equipe da Defesa Civil fará uma vistoria no local para verificar se há riscos na estrutura. Na entrada do edifício, tapumes de madeira improvisam uma das portas. O local, que já foi invadido por moradores de rua, atualmente abriga, no térreo, o comitê de campanha do candidato a deputado federal e presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB, Wadih Damous. “Merece ser preservado. Foi um jornal que combateu a ditadura militar”, ressalta Damous. Apesar de sua história, o prédio não é tombado.

Foi na ‘Tribuna’, em 12 de agosto de 1954, que Lacerda escreveu o editorial propondo a renúncia do presidente Getúlio Vargas. O ato culminou na crise política que levaria ao suicídio do político em 24 de agosto. Após a morte de Getúlio, governistas invadiram e depredaram a sede do jornal. Vinte sete anos depois, um atentado a bomba, atribuído a grupos linha-dura da ditadura militar, destruiu a gráfica do jornal. A ‘Tribuna da Imprensa’ deixou de circular em 2008.

Últimas de Rio De Janeiro