Grande negócio

Fundada em 2006, a Terraplan Locações Ltda, de Itaguaí, era uma empresa modesta, com capital social de R$ 30 mil. Em maio do ano passado, esse valor pulou para R$ 2 milhões

Por O Dia

Rio - Em tempos de eleição, de tantas promessas, uma historinha do Brasil real. Fundada em 2006, a Terraplan Locações Ltda, de Itaguaí, era uma empresa modesta, com capital social de R$ 30 mil. Em maio do ano passado, esse valor pulou para R$ 2 milhões.

Ainda em 2013, a empresa venceu pregão presencial por registro promovido pela Prefeitura de Itaguaí. Em novembro, assinou ata de registro de preços que lhe permitia, ao longo de um ano, alugar caminhões e máquinas até o valor total de R$ 23,304 milhões.

Muitas obras

O contratante não é obrigado a requisitar todos os serviços, mas a prefeitura tem, pelo visto, feito muitas obras. Em 2013, a Terraplan recebeu R$ 1, 425 milhão; em 2014, R$11,986 milhões. Ainda tem mais R$ 10,327 milhões para embolsar. No total, vai faturar R$ 23,740 milhões.

Doação

Em 2012, a Terraplan e Agenor de Oliveira Teixeira, dono de 90% da empresa, doaram R$ 19 mil para a campanha de Luciano Mota (PSDB), eleito prefeito da cidade.

Olimpíada

E, por falar em dinheiro, o governo federal liberou mais R$ 57 milhões para a Prefeitura do Rio aplicar em obras para a Olimpíada. A verba irá para a construção do estádio de natação e do ginásio de handebol e para obras no bairro de Deodoro.

Briga de rejeições

A campanha de Pezão já sabe que Garotinho fará de tudo para associar o nome do atual governador ao de Sérgio Cabral.Dono da maior rejeição entre os candidatos ao Palácio Guanabara, ele acha que a impopularidade do ex-governador poderá complicar a vida do peemedebista na hora do mano a mano. No segundo turno, vence aquele que tem menor rejeição.

Últimas de Rio De Janeiro