Por paulo.gomes

Rio - Policiais da 27ªDP (Vicente de Carvalho), após três meses de investigação, desarticularam nesta quinta-feira uma das maiores quadrilhas de traficantes de drogas, da Zona Norte. A operação aconteceu em diversos pontos da cidade e seis pessoas acabaram presas. Elas eram responsáveis por uma espécie de 'disque-drogas', que entregada os entorpecentes nas casas da região da Barra da Tijuca e do Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste.

De acordo com o delegado titular da 27ªDP, Felipe Curi, a quadrilha comercializava cerca de 1000 pinos de cocaína por semana, com lucro mensal de cerca de R$ 800 mil. Os criminosos tinham conexão com traficantes do Complexo do Alemão, dos Morros do Juramento e Juramentinho e da Favela da Galinha, todos na Zona Norte, onde as drogas eram adquiridas.

O bando era liderado por Carlos da Silva Fumaux, o Calico. E segundo as investigações, Amanda Durães de Oliveira (namorada de Calico), Clemilson de Góes Paz, o Gordão, e José Armando da Silva são os responsáveis diretamente pelas entregas aos usuários. Todos irão responder pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Além da prisão de seis pessoas, a operação da Polícia Civil resultou no cumprimento de 14 mandados de busca e apreensão. Mais seis suspeitos foram encaminhados, ouvidos, qualificados e liberados.

Você pode gostar