Ação civil pública requer que café seja retirado do mercado

MP pediu interdição de fábricas do produto

Por O Dia

Rio - O Ministério Público do Estado do Rio (MPRJ), por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Itaperuna, ajuizou ação civil pública (ACP) contra San Maria Indústria e Comércio de Café HM Euro Forte Ltda. e Unidos de Ervália Indústria e Comércio de Gêneros Alimentícios Ltda. pedidno a imediata retirada do café San Maria do mercado e a interdição das fábricas do produto.

De acordo com a ACP subscrita pelo promotor Gustavo Santana Nogueira, testes realizados pela Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) entre 2010 e 2012 constataram a presença de impurezas como pedaços de pau, cascas e milho no pó do café comercializado, em percentual que chega próximo dos 24%.

Em caso de descumprimento, a multa estipulada é de R$ 50 mil diários para cada ré.

Últimas de Rio De Janeiro