Tijuca sedia centro de busca por doadores de órgãos

Nova unidade estadual será responsável por captar órgãos para transplantes em toda a Zona Norte e no Centro da cidade

Por O Dia

Rio - O Rio deu mais um passo para fortalecer e ampliar a rede de transplantes de órgãos no estado. Foi inaugurada nesta quarta-feira a segunda Organização de Procura de Órgãos (OPO) Norte, sediada no Hospital São Francisco de Assis, na Tijuca. Uma equipe de nove profissionais de saúde vão mapear possíveis doadores em unidades hospitalares da Zona Norte e Centro da cidade.

A coordenação da captação e transplantes continua sendo responsabilidade do Programa Estadual de Transplantes (PET), que recebe notificações quando novos órgãos ficam disponíveis por meio do Disque Transplantes. Os médicos e enfermeiros das OPOs, porém, fazem incursões aos hospitais da região onde estão sediados para captar novos doadores. A organização Norte atenderá a uma região com 3,5 milhões de habitantes, segundo Rodrigo Sarlo, coordenador da PET.

De acordo com ele, com equipes especializadas espalhadas pela cidade, a expectativa é de que fique mais fácil coletar os órgãos, transportá-los e fazer com que eles cheguem ao paciente. “Temos que ter em mente que a agilidade no processo de conectar doadores com receptores pode evitar que pessoas morram na fila”, alerta Sarlo.

Outras três OPOS ainda estão para sair do papel: OPO Itaperuna, com cobertura em municípios do Norte e Noroeste do Estado; OPO Petrópolis; e OPO Barra Mansa. A previsão é de que as unidades comecem a funcionar no mês que vem, segundo o governo estadual.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, o número de pessoas aguardando por um transplante de órgãos no Estado do Rio de Janeiro caiu cerca de 70% nos últimos seis anos, recuando de 7.580 para 2.369. A fila por transplante de fígado foi a que teve mais redução nesse período, com queda de 73%. Em seguida, foram a de pacientes que aguardam por rim (70%) e córnea (65%). De janeiro a setembro deste ano, foram feitas 195 captações e 1.025 transplantes de órgãos e tecidos.

Últimas de Rio De Janeiro