Policiais desmantelam quadrilha de traficantes em Itaperuna

Treze suspeitos são presos durante operação conjunta da PM, Polícia Civil e Ministério Público

Por O Dia

Rio - Policiais militares da Coordenadoria de Inteligência (CI), do 29ºBPM (Itaperuna) e do Batalhão de Ações com Cães (BAC), agentes do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público e da Polícia Civil realizaram nesta quinta-feira uma ação conjunta em Itaperuna, no Noroeste Fluminense. O objetivo da Operação Gólgota é desmantelar uma quadrilha de traficantes que atuam nos morros do Castelo, Marca Tempo e Horto Florestal (Morro do Cristo) e no bairro Fiteiro. Treze suspeitos já foram presos.

De acordo com a denúncia do MP, a quadrilha, ao longo do tempo, construiu “uma verdadeira estrutura empresarial, tendo como foco a divisão, ainda que flexível, de tarefas, em que cada membro desempenhava uma função essencial para o sucesso da empreitada”.

Apontado como um dos líderes da quadrilha, Leandro Luiz da Silva, o conhecido como Jack Chan, coordenava a compra e venda de drogas, assim como determinava a compra de armas. Ele foi assassinado no último domingo. Charles da Silva, o “Charlinho” ou “CH”, e Saulo Silva dos Santos, conhecido como “Saulinho”, “Burro” e “Patati”, dividem o posto de “substituto" de Jack Chan na hierarquia da quadrilha.

As investigações apontam que muitos traficantes, mesmo presos, continuavam a exercer suas atividades, vendendo as drogas tanto dentro das unidades prisionais quanto comandando operações do lado de fora.

Últimas de Rio De Janeiro