UPP: oficial vai ser investigado por chute no Morro da Formiga

Vídeo mostra PMs reagindo a confusão no local

Por O Dia

Rio - A Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) vai investigar a atitude do comandante da UPP do Morro da Formiga, na Tijuca, capitão Carlos Henrique Barrim, durante a prisão de Dailane Luci Nascimento da Silva, de 22 anos, na noite de quarta-feira. Um vídeo feito por morador da comunidade mostra o comandante sem farda, chutando a suspeita, ao mesmo tempo que filma a ação.

Segundo a CPP, depois de uma blitz na entrada do morro, um protesto resultou em depredação de um carro da PM e no incêndio de outro veículo, de um morador, além da tentativa de fechamento da Rua Conde de Bonfim, uma das mais importantes do bairro. Luci teria incitado a população agir com violência e foi presa por desacato.

Em sua defesa, Barrim alegou que tentava desequilibrar a mulher para prendê-la. Quando ela é dominada e levada para a viatura, tenta escapar pela outra porta do carro, arrancando gargalhadas de quem filmava o tumulto. A ocorrência foi registrada na 19ª DP (Tijuca). O 6º BPM (Tijuca) e o Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) foram acionados para reforçar o policiamento no local.

Últimas de Rio De Janeiro