Originais da Bandeira Nacional são encontrados na Glória

Documento com os desenhos, passado com exclusividade para O DIA, será restaurado e exposto no Templo da Humanidade

Por O Dia

Rio - Membros da Igreja Positivista do Brasil fizeram uma descoberta histórica durante a restauração do prédio centenário na Glória. Encontraram os desenhos originais da Bandeira Nacional, guardados desde 1889, quando foi proclamada a República. A igreja era ponto de encontro dos positivistas, como Benjamin Constant e Euclides da Cunha, que logo após a Proclamação da República desenharam a Bandeira que substituiria o símbolo do Império.

O documento, passado para O DIA, com exclusividade, será restaurado e exposto no Templo da Humanidade, que se tornará um centro cultural. “É um resgate da História do Brasil num momento político em que o povo decidiu assumir as rédeas do país e de seu destino”, diz Alexandre Martins, em memória ao pai, o ex-presidente positivista Danton Voltaire.


Últimas de Rio De Janeiro