Por paloma.savedra
Publicado 04/11/2014 16:40 | Atualizado 04/11/2014 16:56

Rio - Cinco filiais da loja de eletrodomésticos Ricardo Eletro foram autuadas e interditados pelo Procon, na manhã desta terça-feira. Durante a operação, chamada de São Tomé, os fiscais encontraram a mesma irregularidade nas unidades fiscalizadas: os preços dos produtos anunciados davam destaque ao valor da parcela e não ao preço com pagamento à vista

Fiscais do Procon fecharam cinco lojas da Ricardo Eletro por darem destaque ao preço das parcelas e não no valor à vistaBruno de Lima / Agência O Dia

De acordo com o Procon, a prática contraria a Lei Estadual 6.419/13. Os estabelecimentos permanecerão interditados até apresentarem a correção das irregularidades. As filias da Ricardo Eletro interditadas foram as duas localizadas na Rua Uruguaiana, no Centro; e as lojas localizadas na Rua Cardoso de Morais em Bonsucesso, Rua Dias da Cruz, no Méier, e Rua Plínio de Oliveira, na Penha. 

A Operação São Tomé, retomada nesta terça-feira, tem o objetivo de verificar se os produtos expostos nas vitrines e no interior dos estabelecimentos estão com seus preços visíveis e se o valor à vista se encontra em destaque maior do que as parcelas cobradas na venda a prazo, conforme é determinado pelo artigo 6°, inciso III, do Código de Defesa do Consumidor (CDC), e pela Lei Estadual 6419/13.


Você pode gostar